OS CUIDADOS COM CRIANÇAS NA INTERNET

Inclui lista de programas para bloquer sites indesejáveis

Criança calada por estranho
Pais podem proteger os filhos na internet

Bate papo, Facebook, Orkut, chats, sites diversos. Estas são algumas das ferramentas utilizadas por crianças, que se divertem, aprendem e fazem amigos na internet ((A maioria dos sites de relacionamentos possui um limite de idade mínimo para seus membros cheque o limite da rede de seu filho no próprio site para  saber)). Mas, assim como o mudo real, a rede pode ser um ambiente extremamente perigoso e para evitar problemas, os pais devem estabelecer algumas regras, incentivando os filhos a compartilhar suas experiências e, até mesmo, se divertir na internet junto com eles.

Na internet, as crianças se divertem, entram em contato com a diversidade do mundo e pesquisam os mais variados assuntos, porém a maioria das crianças não têm capacidade de determinar o que é certo ou errado, o que é seguro  ou perigoso no mundo virtual, sendo assim,  facilmente enganadas por informações falsas ou pessoas mal-intencionadas.

Viciados em Internet

As vezes, o uso excessivo da internet pode causar problemas semelhantes a vícios químicos, istó é um transtorno obsessivo compulsivo. No entanto para as crianças o maior problema é o afastamento de outro seres humanos.

No caso das crianças, um dos maiores problemas causados pelo “vício na internet” é a falta de contato com outras crianças no mundo real, através de relações pessoais, e não à distância. Neste caso, uma alternativas para os pais é incentivar os filhos a dividir o tempo que passam em frente a tela do computador com atividades que fomentem outras redes de amigos “reais”, além das virtuais.

A SaferNet, uma associação civil de direito privado, de atuação nacional, sem fins lucrativos, auxilia os pais e responsáveis com os cuidados a serem tomados com as crianças que utilizam os serviços na internet. A organização foi fundada em 2005 e recebe denúncias sobre crimes cibernéticos, disponibiliza uma série de cartilhas de segurança e patrocina pesquisas sobre o uso da internet no Brasil.

Como se proteger

Algumas dicas podem contribuir para o uso correto das ferramentas disponíveis virtualmente. É importante, por exemplo, que os usuários nunca divulguem seus nomes completos, endereços, números de documentos ou fotos. Por mais seguro que pareça,  a internet ainda funciona como outdoors, em que todas as informações ficam expostas a tudo e a todos.

Os cuidados com as crianças na internet não são muito diferentes dos do mundo real. Manter o computador conectado à internet em um local de uso comum na casa possibilita que os responsáveis supervisionem com facilidade as atividades online de seus filhos. Além do acompanhamento dos pais, existem ferramentas de filtragem que barram o acesso de crianças a sites proibidos, adultos, ilegais etc.

Portanto pense bem antes de divulgar qualquer informação na rede. O mundo virtual deve fazer parte do mundo das crianças, mas sua utilização requer cuidados. Fique atento

ClassificaçãoSeleçãoPontosjvEDGPGCSG%Últ, Jogo
1Uruguai62100202100.0v,v,
2Equador62200404100.0v,v,
3Chile62200633100.0v,v,
4Paraguai4211010166.7v,d,
5Brasil3210133050.0d,v,
6Colômbia3210130-150.0v,d,
7Argentina1201102-216.7d,e,
8Peru0200236-30.0d,d,
9Venezuela0200214-30.0d,d,
10Bolívia0200204-40.0d,d,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.