GORDINHAS SUPERAM PRECONCEITOS

Fonte: Wikipédia. Artista Boris Mikhailovich Kustodiev (1878–1927). Nome da obra: Russian Venus

Mulher gorda ou avantajada quadris largos, corpulência, seios e barriga extremamente volumosos, esta já foi considerada a descrição da mulher ideal, a boa parideira.

A deusa mãe Vênus, por exemplo,  tinha todas essas características, além  de representar a fertilidade proveniente da natureza era  idealizada como a divindade generosa que fornecia frutos. Ela representava um elevado status social dentro da comunidade representando um símbolo de segurança, sucesso, sensualidade e de bem-estar.

Na atualidade, essa visão de mundo enfrenta reações radicais da maioria das pessoas. Quem já viu uma gorda na capa da Playboy? protagonista de uma novela da Globo ou apresentadora de jornal em horário nobre? Na melhor representação do nosso novo  estilo de vida e em busca do luxo exacerbado: as mulheres-cabide são o novo simbolo da atualidade.

Não muito raramente elas seguem o modelo de beleza a qualquer custo, e nessa febre de emagrecimento as pessoas buscam desde receitas para emagrecer, à medicamentos reguladores do apetite, sem  esquecer da febre das atividades físicas seja corrida, natação, elíptica, bicicleta, triatlon. Mesmo procedimentos cirúrgicos como a redução de estômago tem sido, de acordo com alguns, banalizados.

Segundo uma edição publicada pelo site revistagalileu.globo.com uma pesquisa feita pela Universidade da Flórida, nos Estados Unidos, aponta que empregadores tratam as empregadas mulheres do mesmo modo que a indústria da moda: salários mais altos para as mulheres magras e penalizando as mais gordinhas com o salários medíocres.Já no caso dos homens quanto mais músculos eles tiverem maior será o seu pagamento (com exceção dos obesos), enquanto isso, os homens magros recebem menos.

Acredita-se que essa tirania do padrão de beleza foi responsável  em 2007, pelo falecimento de duas jovens uruguaias. Eliana Ramos e sua irmã Luisiel morreram vítimas de paradas cardíacas, durante um desfile, no momento em que se dirigiam ao vestiário para vestir outro modelo de roupa. A suspeita na época foi de que elas sofriam de transtornos alimentares.

O espaço das cheinhas no mundo

De acordo com um artigo publicado pelo site www.luxoseluxos.com.br, a atriz gaúcha, Larissa Maciel que usa manequim 38, teve que engordar um pouquinho para realizar um trabalho televisivo. Ela também teve que usar um corpete com enchimento para parecer mais gordinha a.

Mulheres gordinhas vem ocupando seu espaço no mundo da moda, e deixando para trás o preconceito da sociedade. Muitas delas passavam a vida inteira fazendo dietas, infelizes e insatisfeitas, sendo teleguiada pela mídia e pela publicidade. Devido ao preconceito gerado por serem obesas ou estarem acima do peso mulheres tem procurado o auxilio das autoridades para que providências sejam tomadas.

Enquanto o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama está travando uma grande luta contra o excesso de peso que aflige mais de 30% dos americanos. Aqui no Brasil, algumas autoridades estão arregaçando as mangas no intuito do combate ao preconceito à pessoas com excesso de peso. Um exemplo disso são os trabalhos dos Promotores de Justiça, Luís Fernando Rocha, de Assis, e Noemi Corrêa, de Araraquara, que indiciaram  responsáveis por criar em uma rede social da internet uma página que tinha como intútio expor mulheres acima do peso a situações humilhantes. Os responsáveis  tiveram que pagar indenização por dano moral coletivo.

OBS: Quem duvida do poder das gordinhas nesse novo milênio pode ir no site Gordinhas Maravilhosas

Por Ana Lucia Oliveira com edição de Cícero Sena e Fábio Santos


3 Comentários para: “GORDINHAS SUPERAM PRECONCEITOS

  1. Realmente os padrões de beleza tem um certo rigor, “para ser bonita e atraente deve ser magra e só assim será feliz” na realidade para ser bonita e atraente deve ser FELIZ, e quem sabe então talvez ser magra!

  2. Apesar do preconceito ser mundial, o importante é que vivemos na democracia. Exemplo disso é o negro, que superou todos obstáculos, e vem ocupando seu espaço. As gordinhas também vem brilhando, mostrando seu talento nas passarelas e etc.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.