PARCERIAS QUE FUNCIONAM: 7 DICAS PARA O SUCESSO

Homem de negócios apresenta currículo
Homem de negócios apresenta currículo

Parcerias, quando bem feitas, são uma ótima forma de cortar custos e arranjar novos clientes. No entanto, quando mal feitas, parcerias são um receita perfeita para o fracasso.  Partindo do princípio de que ninguém é uma ilha, percebemos que as conexões são fundamentais para o sucesso.  Empresas e empreendedores  parceiros podem progredir juntos muito mais rapidamente do que seus concorrentes isolados. Mas, é preciso ter cuidado para não confundir parcerias com exploração e acabar trabalhando de graça pra alguém.

Abaixo separamos algumas dicas sobre os cuidados que o empreendedor pode ter ao estabelecer uma parceria:

1- Cheque todos os dados possíveis a respeito da empresa ou pessoa com quem pretende firmar o acordo de colaboração. O fato da empresa existir legalmente pode evitar que o empreendedor caia em golpes, mas papelada não é tudo, cheque o histórico de trabalho e até a opinião de clientes do candidato a parceiro se possível.

2- Mantenha distância de parcerias tóxicas. Um parceiro com má reputação no mercado pode acabar com seu empreendimento lembre-se: “Se com porcos andas, farelo comes”

3- Não confunda parceria de negócios com amizades. Ser bom amigo não quer dizer ser bom parceiro de trabalho. Seus amigos não têm nada haver com seu salário no fim do mês.

4- Tenha certeza que sua empresa vai ganhar algo com a parceria. Mas não focalize apenas em resultados financeiros. Muitas vezes os resultados positivos podem ser sentidos de outras formas, como aquisição de know how, popularidade e experiência. No entanto, até relógios precisam de pilhas para funcionar bem – então nada de trabalhar de graça pros outros.

5- Muitas vezes na ância de lucrar, o empreendedor esquece que na parceria todos devem ter um final feliz. Cuidado com a ambição na hora de fechar uma parceria. Estabeleça uma forma de que ambos ganhem. Se seu parceiro sair perdendo por causa de demandas suas, você pode até ganhar financeiramente, mas lembre-se – o mundo dá voltas.

6- Não tenha medo de usar a parcerias para a criação colaborativa de material intelectual. Até mesmo parcerias improváveis podem ser uteis para a elaboração de protocolos de atuação.

7- É verdade que o empreendedor não deve guardar muitos segredos dos seus parceiros. Mas, também não é uma idéia muito boa contar tudo de vez. Encontre o meio termo, pois a confiança se constrói aos poucos. Pode ser inteligente não liberar toda a informação, mas, a medida que os resultados forem aparecendo algumas informações precisarão ser trocadas para se aprofundar as relações de trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.