Como a técnica do pomodoro pode te ajudar a fazer mais em menos tempo..

Mas só 25 minutos ….

A técnica Pomodoro (Ou técnica do tomate) foi criada por Francesco Cirilo. Ele é uma estratégia para gerenciamento do tempo muito utilizada por ser simples e não custar caro. Tudo começou ainda quando Francesco Cirilo fazia faculdade, ele encontrava por toda parte distrações. Mas ele estava determinado a encontrar uma maneira de contornar o problema. Assim surgiu a técnica Pomodoro.

Olhando para um tomate (POMODORO em Italiano) que na verdade era um timer de fogão surgiu uma brilhante ideia na mente de Francesco. Uma técnica de administração do tempo que não só iria torna-lo mais produtivo, mas também, muito mais eficiente. A ideia era de se concentrar exatos 10 minutos completamente no estudo sem qualquer tipo de interrupção como tomar café, atender telefones ou qualquer outra coisa.

Mas, apenas 10 minutos não funcionaram para ele e as primeiras tentativas de Cirilo foram um fracasso – Com o tempo ele percebeu que o melhor limite de tempo eram os 25 minutos.

Como funciona a técnica do Pomodoro

Seguir um ciclo de trabalho totalmente de 25 minutos não é algo muito difícil nem muito fácil. No processo acabamos desenvolvendo qualidades como autodisciplina e concentração. Durante o Pomodoro, o ideal é que não se faça nada além da tarefa escolhida. Se durante o ciclo tiver vontade de comer ou beber algo anote em um papel e assim que terminar seu ciclo estará liberado. Para controlar o tempo você pode usar um timer, um relógio de parede ou mesmo um cronometro, ou mesmo aplicativos existentes no marcado gratuitamente

Com mais e mais demandas de fazermos milharaes de coisas ao mesmo tempo. A técnica Pomodoro pode ser a solução para uma maior produtividade. A cada final de ciclo você poderá descansar a mente de 5 a 10 minutos. Pode também fazer um alongamento, beber um pouco de água e ir ao banheiro. Mas é importante, nunca repetir a mesma atividade no próximo ciclo, principalmente se for uma tarefa difícil, assim mantemos o nível de produtividade elevado.

A técnica Pomodoro em seis passos:

  1. Selecione uma tarefa que você deseja alcançar.
  2. Defina o temporizador Pomodoro para 25 minutos.
  3. Trabalhe na tarefa até que os anéis do temporizador ou tela apontem que o tempo acabou.
  4. Faça uma pausa de curta duração (5 minutos).
  5. Volte a trabalhar na tarefa, após o término, marque na sua lista de afazeres.
  6. Faça uma pausa de 15-30 minutos depois do quarto ciclo Pomodoro.

Acabei antes dos 25 minutos….

Mas o que fazer se acabarmos a tarefa antes dos 25 minutos? Para os que pensaram nesta pergunta é bom saber que Não existe “um meio Pomodoro” tudo o que se começa tem que ser terminado, terminando sua tarefa antes você ficara com tempo livre, pode-se começar a fazer outras atividades com responder emails, abrir um site de noticias, dar uma espiada em sua rede social. O fundamental é condicionar o trabalho a períodos de 25 minutos de concentração. O Ideal é que a cada 4 ciclos se tenha um descanso maior, talvez uma meia hora (30 minutos) para que sua mente e corpo tenham tempo de recuperar suas energias.

Assim, ao final do dia podemos ver o quanto conseguimos produzir em atividades específicas e em que áreas precisamos melhorar. Também podemos perceber se tais atividades foram realmente necessárias e principalmente se podemos ver formas de vaze-las em menos tempo. Diminuir o tempo empregado para atingir os mesmos resultados com o trabalhamos por meio da inclusão de novas técnicas de produtividade é uma ótima forma de se tornar mais produtivo.

Exemplos práticos da aplicação do método Pomodoro

O Nuvendigital usa a tecnica pomodoro para atualizar sua fanpage no facebook. Conseguimos organizar 7 dias de publicações em apenas 3 ciclos de 25 minutos. Usar a técnica no facebook é muito útil pois ajuda a controlar distrações e interrupções, tão frquentes nas Redes Sociais.

Fanpage do Nuvendigital
A Fanpage do Nuvendigital é organizada usando o método do Tomate ou Pomodoro. Conseguimos agendar 7 dias de postagens em 3 Ciclos.

A técnica Pomodoro nos ajudar a exercitar a auto disciplina e concentração e com ela podemos aprender a lidar melhor com interrupções internas, como distrações da mente e também as externas como convites de amigos para fazer uma ou outra atividade. É por isto que anotamos as ideias na lista de “atividades a serem feitas urgentes ou não” que podem aguardar até o fim do ciclo.

Se precisarmos manter dizer não aos nossos colegas, podemos fazer isto com educação e firmeza. A boa comunicação também faz parte do trabalho. Quando nossos amigos perceberem estamos sendo produtivos e mantendo nossa palavra eles passarão a entender que durante seus ciclos não adianta insistir e que você esta sendo profissional e responsável em seus projetos. O fato é que muito provavelmente ganhará o respeito e a admiração deles.

Programas e aplicativos para a prática da técnica Pomodoro

De qualquer forma acho esta técnica divertida e eficaz.
Você já utilizou algum sistema parecido? Compartilhe sua experiência…

Para quem gosta de gerenciamento de tempo existe até um grupo no facebook só sobre este tópico: O grupo Gestão Eficaz do Tempo já tem quase 500 membros e muitas dicas sobre o assunto.


12 Comentários para: “Como a técnica do pomodoro pode te ajudar a fazer mais em menos tempo..

  1. Muito Obrigado pelo belo post Wellington. Eu mesmo não conhecia o termo técnica Pomodoro antes de ler o seu artigo. Como pude ler ele antes dos outros visitantes pude comecar aplicar imediatamente o conhecimento na fanpage e no site. E os resultados foram tão rápidos quanto o método. Tudo feito em 3 ciclos. Agora seria bom se você também escrevesse um texto assim sobre o GTD tecnique. Muito sucesso e felicidades.

  2. Essa técnica é realmente fantástica!
    Aplico ela já faz mais de um ano e quando o timer apita depois de 25 minutos, costumo estar tão concentrado que até assusto com o barulho.

    Quem está com muitos problemas de concentração atualmente, o pomodoro também é um dos jeitos mais rápidos que conheço para combater essa distração.

    • Obrigado pelo comentário Felipe César Pinto. Assim que vi o rascunho do texto do Wellington, lembrei de você e o quanto seria importante termos sua opinião por aqui. Para você ver, eu nunca havia ouvido falar da técnica Pomodoro até ler o texto.

      ——— Vivendo e aprendendo.

      Agora fiquei com uma pergunta: Você acredita que quantas técnicas de gerenciamento de tempo é o bastante para uma pessoa comum conhecer? E um Técnico de administração? Há alguma profissão que precisa saber mais sobre isto?

      • Acho que a pessoa deve investir um pouco de tempo em aprender essas técnicas até encontrar uma que funcione muito bem com ela. Se depois de um tempo significativo ela não encontrar nenhuma que tenha funcionado bem, já é bom sinal que precisa focar em criar uma técnica própria.

        Quando a pessoa já possui um sistema pessoal que funciona bem, ler sobre outras técnicas pode ajudar a ter inspirações e fazer aperfeiçoamentos.

        Existem pessoas que trabalham mais diretamente com produtividade pessoal. Como por exemplo, a TRIAD PS (http://www.triadps.com/novo/) possui colaboradores que auxiliam várias pessoas a gerenciarem melhor seu tempo. Mas, acredito que todos ganhem estudando sobre o assunto.

  3. Realmente é um técnica fantástica. Com um conceito simples é que ajuda muito na concentração, fazer as tarefas que realmente tem que ser feitas etc. De um modo geral eu sempre a aplico em meu trabalho.

  4. Muito legal a percepção de criar um TEMPO de exclusividade para uma atividade. Acredito que identificar um tempo mínimo e ir crescendo na medida que a disciplina puder permitir. Não é nada fácil com tanta atividade, concentrar-se em apenas uma. Isto até perde o conceito da INTERNET, onde tudo está simultaneamente acontecendo.

    Acho que vale até procurar na INTERNET um POMODORO para dar de presentes. Este conceito de voltar a ter concentração em lugar de ficar 100% do tempo disperso é mesmo um sinal de produção.

    Excelente o POST, como sei que é o PRIMEIRO foi em grande estilo. Parabéns!

  5. Ola Pedro Henrique, gostaria de agradecer o comentário muito obrigado mesmo mas referente ao que você disse no primeiro paragrafo eu até entendo que na internet tudo acontece ao mesmo tempo mas será que conseguimos fazer tudo ao mesmo tempo ? e principalmente com a qualidade que tem que ser feita no que se refere a trabalho?, se realmente não estivermos concentrados o minimo que seja? De qualquer forma experimente esta técnica ao menos uma vez e veja os resultados. Abraços

  6. Simplesmente fantástico! Nunca utilizei a técnica, mas já conheço e é bem provável que amanhã eu comece a usar a mesma, no começo é complicado, mas com o tempo pegamos o jeito 😀

    Abraços, Arlindo Armando

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.