Site Portal Mais Emprego oferece mais de 310 Mil novas vagas de trabalho por mês no Brasil

Imagem retirada do Site Mais Emprego do Ministério do Trabalho, que oferece mais de 300 mil vagas por mês para trabalhadores de todo o Brasil.
Imagem retirada do Site Mais Emprego do Ministério do Trabalho, que oferece mais de 300 mil vagas por mês para trabalhadores de todo o Brasil.

Em meio a notícias de aumento das taxas de desemprego no primeiro trimestre de 2015, o Ministério do Trabalho lança sistema que pretende facilitar a contratação de trabalhadores. São mais de 300.000 novas vagas oferecidas por mês.

O portal Mais Emprego, como é chamado o site, é um sistema que permite ao cidadão tanto enviar currículo diretamente ao empregador quanto agendar entrevistas. O sistema foi criado e desenvolvido para ajudar aqueles que buscam uma vaga formal no mercado de Trabalho e também ao empregador que  oferece as vagas.

Mais Empregos 500 mil empregados em 2014

Para se ter ideia do tamanho do novo projeto, o programa A Voz do Brasil, exibido no dia 08 de abril de 2015, informou que durante o ano de 2014, ano em que o site permaneceu em  fase de teste, o mesmo teve mais de 6 milhões de inscritos. Durante 2014 2,2 milhões de candidatos foram encaminhados para as vagas pelo sistema e 500 mil conseguiram colocação no mercado.

A expectativa agora é que em 2015, o sistema  que busca facilitar a contratação dos trabalhadores, e facilitar a vida dos empregadores ofereça mais de 2,5 milhões de oportunidades de trabalho. Mas, o ministro do Trabalho Manoel Dias deixou bem claro, em entrevista ainda no programa Voz do Brasil, que o novo site não vai substituir as agências do SINE no Brasil. O Sine -Sistema Nacional de Emprego tem mais de duas mil agencias espalhadas pelo Brasil.

Aumento no índice de desemprego em janeiro, fevereiro e março de 2015

http://g1.globo.com/economia/noticia/2015/04/taxa-de-desemprego-fica-em-74-no-trimestre-encerrado-em-fevereiro.html
print de Parte da Tabela ilustrativa na página do G1 sobre o aumento do indice do desemprego no Brasil nos primeiros três meses do ano. Clique na imagem para visitar o artigo.

O lançamento do novo portal aconteceu no mesmo dia em que o IBGE informou que a taxa de desemprego do Brasil  nos três primeiros meses de 2015 chegou a 7,4% em fevereiro. Em dezembro de 2014 a taxa estava em 6,4%.

De acordo com matéria publicada no site G1 da Globo estes  dados do desemprego mencionados acima fazem parte da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua, que substituirá a tradicional Pnad anual e a Pesquisa Mensal de Emprego (PME) e passa agora a ser divulgada mensalmente. No total são 70.464 municípios no Brasil abrangidos pela Pnad.

A matéria, acima mencionada, do G1 também informa que embora seja comum no Brasil ver a taxa de desemprego subir nos meses de janeiro, fevereiro e março, o número 7,4% continua alinhado com as projeções feitas pela Organização Internacional do Trabalho OIT. Segundo o relatório publicado pela OIT no início do ano “Perspectivas para o emprego e o social no mundo – Tendências para 2015”, o desemprego no Brasil também deverá ser de7,1% em 2015, 7,3 em 2016 e  7,3% em 2017, o mesmo índice do ano anterior.

Mais Emprego será integrado e não substituirá o SINE

O Mais Emprego vai ajudar quem não pode ou não quer comparecer a uma agência do SINE.  As 2500 agências do SINE  no país vão continuar funcionando paralelamente ao Mais Emprego para atender aqueles que não têm acesso à internet ou que querem apenas tirar dúvidas.

Como se cadastrar no Mais Emprego

O cadastro no portal Mais Emprego é gratuito. O endereço na Internet é http://maisemprego.mte.gov.br. São em média 310 mil novas ofertas de emprego por mês. O novo site faz parte dos esforços do Ministério do Trabalho para que todos os serviços prestados pelo Ministério sejam digitalizados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.