Em visita ao Quênia, Presidente Barack Obama defende tratamento igual para pessoas homossexuais

Em visita ao continente Africano, o Presidente Norte-Americano Barack Obama defendeu o tratamento igual para pessoas homossexuais. O presidente estadunidense Barack Hussein Obama, que está em visita ao Quênia, país africano, pediu igualdade de direitos para os homossexuais na África.

O Quénia e Barack Obama

O Quênia é o país natal do pai do presidente norte americano Barack Hussein Obama e durante esta visita, mesmo o país tendo recebido calorosamente Barack Obama, como se fosse o filho da própria terra, algumas de suas sugestões não foram tão bem vindas.

 

E ainda, segundo notícia divulgada no portal Terra, o Presidente Americano sugeriu que nenhum país deveria discriminar cidadãos com base em sua orientação sexual. Ainda segundo o artigo Barack Obama teria feito esta declaração, em direta referência, aos vários estados africanos em que a homossexualidade é considerada crime ou tem muito baixa aceitação social.

Presidente do Quênia diz a Obama que gays não são prioridade no momento

Mas nem todos receberam positivamente as afirmativas do presidente norte americano Barack Obama. Ainda segundo o artigo do portal Terra, o presidente queniano Uhuru Kenyatta teria respondido ao presidente dos Estados Unidos que, apesar dos dois países compartilharem muitos objetivos e valores, ainda existiriam outros aspectos em que eles dois não concordariam, e o direito dos homossexuais, que seria um destes pontos de discórdia, não seria uma prioridade para seu governo.

Ainda segundo o Jornal I, site de notícias de Portugal, o presidente Barack Obama ainda falou sobre as eleições presidenciais no Burundi, país localizado na Africa Central e também falou sobre a guerra civil no Sudão do Sul, conflito este que já dura 19 meses e devasta o país. Segundo o site, o presidente norte americano sugeriu que os beligerantes sul-sudanenses colocassem o seu país em primeiro lugar e buscarem a paz.

O presidente estadunidense também falou à imprensa sobre a situação de redes terroristas instaladas do lado ocidental do continente africano e como elas estariam de certa forma tendo sua atuação reduzida e enfraquecidos por esforços do governo norte americano e também africano.

Barack Obama e a África

Além do Quênia, Barack Obama deve também visitar dentro do continente africano a Etiópia, neste domingo, dia 26 de julho de 2015. Esta seria a quarta vez que Barack visita o continente africano, como presidente dos Estados Unidos da América. Antes disto, ele também visitou o continente como senador e como estudante.

Ainda segundo o site P (Público) de portugal, o motivo oficial desta visita do presidente Barack Obama à Africa foi a participação Cimeira Global do Empreendedorismo, nas instalações das Nações Unidas, em Nairóbi. Lá o presidente norte-americano teria dito que “A África está em marcha. África é uma das regiões do mundo com maior crescimento.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.